sexta-feira, 8 de maio de 2009

Passeios de Saturno Pelo Mapa

Saturno vai impondo seriedade e amadurecimento enquanto faz visitas por nosso mapa. Assim como Júpiter, esse também é um planeta que gera crescimento, movimento e sentido no nosso caminho. Mas enquanto o senhor do Olimpo faz isso nos dando otimismo e esperança, o senhor do Tempo nos obriga a uma parada para reavaliar nossa visão de mundo e nossa estrutura pessoal para que possamos ter consciência de nosso agir e, assim, tomarmos decisões baseadas em nossas experiências reais e não apenas em fantasias e ilusões. O método mais comum utilizado por Saturno é a retirada de tudo que usávamos sem nos dar conta, fazendo com que não tenhamos mais aquela ferramenta a mão quando formos usá-la. Aí passamos um tempo procurando até percebermos que ela desapareceu mesmo, e começamos a pensar em como a utilizávamos e como realmente a queremos usar. Sabe aquele ditado que diz “quem nunca teve travesseiro não sente a sua falta”? Pois tente dormir em uma esteira no chão quando você está acostumado com colchão ortopédico. É mais ou menos isso que Saturno nos faz experimentar.

A cada sete anos, Saturno vai fazendo conjunção, quadratura e oposição com cada ponto de nosso mapa, durante aproximadamente um ano, e esse é um dos motivos astrológico para se falar de fases de sete anos em nossos processos de desenvolvimento. Vou dividir essa postagem em duas: a primeira falando dos contatos que Saturno vai fazendo com o Sol, a Lua, os planetas pessoais e Júpiter, e uma outra falando dos contatos dele com os Transaturninos Urano, Netuno e Plutão. Lembrando que todas as coisas que ando falando sobre as órbitas e os aspectos nos trânsitos são válidos também para Saturno.

Saturno em conjunção, quadratura e oposição ao Sol Natal
É comum nos sentirmos desvitalizados durante esses trânsitos. Saturno nos obriga a uma auto-avaliação profunda quando faz aspecto com nosso centro vital, então ele nos deixa com menos energia para gastar fora de nós mesmos. Essas são épocas em que precisamos reavaliar o que andamos fazendo com nossas vidas, pois esse planeta nos mostra o que plantamos e nos responsabiliza pela colheita. Nossos comportamentos viciados ficam muito claros, e esse é um tempo em que, muitas vezes, as características mais irritantes de nosso signo solar costumam ficar evidentes: arianos ficam briguentos, taurinos pão-duros, geminianos muito teóricos, cancerianos chantagistas, leoninos egocêntricos, virginianos muito críticos, etc. E, é claro, que só sua mãe vai ter paciência para te agüentar, e mesmo assim, só se for do tipo clássico. Pode-se até ficar um tempo um tanto amargo, deprimido e ressentido, por achar que o mundo ficou muito difícil de repente. Mas o que Saturno pretende, na verdade, é fazer com que nos tornemos conscientes das dificuldades que criamos em nossa vida, e assim tomemos a decisão de mudar para continuar nosso desenvolvimento. Se você tem disposição para fazer as mudanças necessárias e assumir a responsabilidade por seu próprio caminho, não há porque esse trânsito ser sombrio, e uma nova noção de auto-estima pode ser construída, baseada em uma visão mais profunda de quem se é e do que se pode oferecer à vida. O resultado dessa nova consciência é nos sentirmos suficientemente maduros para dar novos rumos a nossas carreiras e relacionamentos, levando a sério nossas crenças sobre a vida. Quando temos seriedade para olharmos para nós mesmos, acabamos encontrando a coragem e a firmeza necessária para fazer o que temos que fazer para sermos mais íntegros, e, porque não, mais felizes. Esse é um grande presente de Saturno.

Saturno em conjunção, quadratura e oposição a Lua Natal
Nas épocas de trânsito de Saturno pela nossa Lua ficamos muito conscientes daquilo que nos nutre e daquilo que alimentamos. Isso significa que todos aqueles vínculos que estamos acostumados vão passar por um teste para saber quais são realmente necessários e quais não merecem mais nossa atenção. Os amigos vampiros, que só sugam nossa energia, o chefe carrasco, que não reconhece nossos méritos para nos manipular e explorar, os relacionamentos vazios, mantidos por hábito e preguiça, ficam realmente insuportáveis nessas épocas. Nossa Lua também nos remete a nossa relação com o corpo físico, e ficamos muito conscientes do que nos está fazendo mal, dos tóxicos que ingerimos e como nos cuidamos. Seja no sentido material, emocional ou espiritual, Saturno faz com que fiquemos sensíveis – e muitas vezes, dolorosamente conscientes – ao que está nos alimentando e ao que só nos intoxica sem nutrir. Aí, não temos mais “estômago” para engolir aquele amigo que fica derramando lamúrias na nossa orelha, nem conseguimos encontrar aquele grupo com crenças muito diferentes das nossas, e pode esquecer aquela noitada de sexo, drogas e samba-rock. Esses são tempos em que precisamos realmente nos sentir satisfeitos e nutridos, pois a posição de vítima não é permitida durante a visita desse amigo titã. Sempre há alguma perda emocional durante essas épocas, mas temos a oportunidade de limpar nossas relações, já que conseguimos olhar com objetividade o que nos cerca e ir direto ao ponto. Percebemos quando, quanto e como queremos nos entregar aos outros e por isso aceitamos que o outro tem o mesmo direito. Podem ocorrer alguns ressentimentos e temos que enfrentar algumas vezes um aprendizado através da solidão e abstinência forçada, mas realmente vale a pena aceitar essa dificuldades – na verdade, ficamos mais pacientes para enfrentar essas coisas – e reconstruir nossa auto-imagem de maneira mais real, baseada em vínculos mais responsáveis conosco e com os outros.

Saturno em conjunção, quadratura e oposição ao Mercúrio Natal
Saturno, quando visita Mercúrio, verifica o que realmente sabemos e o que é apenas para inglês ver. É comum conseguir uma maior disciplina para organizar os pensamentos, seja escrevendo, seja fazendo leituras e pesquisas mais específicas e aprofundadas. O deus do Tempo põe em dúvida não só o que sabemos, mas também nossa capacidade de transmitir o que pensamos, e levamos muito a sério o nosso ponto de vista, o que pode trazer algumas desavenças. Geralmente nos dispomos a trabalhar duro para aprender algo novo quando estamos bem sintonizados com esses trânsitos. Se conseguimos superar a sensação de não nos entenderem e não desistimos das dificuldades de aprendizado dessa época, acabamos tendo a oportunidade de conversar mais profundamente com quem realmente interessa. Novas formas de pensar e de se expressar podem nascer desse aprofundamento, trazendo uma maior maturidade mental. Como Mercúrio mostra a maneira como captamos as informações do mundo, ás vezes acontecem algumas alterações na nossa percepção sensorial, como um aumento do grau dos óculos ou problemas de ouvido, por exemplo, mas que passam ao final do trânsito. O que fica mais nítido nessas épocas é nossa falta de clareza ou maturidade intelectual para expressar o que pensamos, pois passamos a ter mais problemas com isso do que normalmente. Temos que ficar mais conscientes daquilo que queremos comunicar. É importante ter algumas horas de silêncio, ouvindo nossos pensamentos, e, se possível, tentando esvaziar um pouco a mente, com meditação, por exemplo, ou apenas relaxando com música instrumental. É possível alcançar novas abordagens para a vida e para nossa maneira de agir durante esses trânsitos, desde que você se disponha a aproveitá-lo para se disciplinar e descobrir o que você realmente quer aprender e aprofundar.

Saturno em conjunção, quadratura e oposição à Vênus Natal
A primeira coisa que as pessoas costumam relatar desses trânsitos é que o tesão vai embora. Isso pode trazer algumas dificuldades extras para quem está em um relacionamento amoroso, principalmente nos que têm ênfase na compatibilidade sexual. É preciso ter uma boa dose de bom humor para encarar essas épocas, pois o método de nos tirar as coisas para torná-las conscientes do velho titã é bem ruim quando se trata da nossa expressão de prazer e beleza. Na Vênus natal encontramos nossos valores mais íntimos, as coisas que gostamos de nos cercar, nossa sensação de conforto e o desejo de nos relacionar amorosamente com as pessoas e com o mundo. A reavaliação desse aspecto da nossa personalidade passa por uma escassez que serve para verificar o que realmente sustenta o nosso prazer e quais são verdadeiramente os nossos recursos. Esses são trânsitos que mudam nosso gosto, e começamos a ouvir musicas diferentes, alterar coisas na decoração e até experimentar outros estilos de visual, pois há uma insatisfação geral. Os encontros sociais e festas passam a ficar tediosos também, e não temos muita vontade de ir para o bar falar bobagem com os amigos. Apesar de um tanto árduo, esses trânsitos podem gerar muitos recursos se bem aproveitados, pois nos livramos de coisas desnecessárias e abrimos espaço para coisas novas e mais profundamente compatíveis conosco. Precisamos dar mais duro para conseguirmos o que queremos nesse período, e por isso damos mais valor e escolhemos com mais critério. Enquanto perguntamos onde foi parar nosso prazer, podemos perceber que muitas das coisas que temos atualmente são insatisfatórias, aceitas pela incapacidade de dizer não, ou por não querer assumir a responsabilidade de ir atrás daquilo que realmente se deseja. É possível, então, modificar isso, trazendo para a existência um prazer muito mais profundo e satisfatório.

Saturno em conjunção, quadratura e oposição ao Marte Natal
O Marte é o nosso princípio ativo, e Saturno entra em contato com ele perguntando: “onde você pensa que vai com essa energia?” E aí, tudo fica meio emperrado. Não temos mais munição para atirar para todos os lados e ver se algum dos tiros atinge o alvo, então precisamos saber melhor o que realmente queremos para poder gastar a única bala que temos no cartucho. O deus da guerra é uma força instintiva que não aceita tranquilamente o cabresto educador de Saturno, mas quando percebemos que a nossa ação tem melhores resultados quando direcionadas para o alvo certo, esses podem ser trânsitos bem frutíferos. Começamos a levar mais a sério e entender melhor as conseqüências de nossos atos nesses períodos, por isso ficamos apreensivos e com medo de errar. Esse passo atrás que Saturno obriga nosso Marte a dar, porém, serve para que se veja a situação de maneira mais objetiva, tornando nosso impulso mais certeiro. Como resultado, tomamos maior consciência de nossa real capacidade de agir, e nosso Marte pode aprender a se expressar com mais determinação. Nessa reavaliação de Marte percebemos onde estamos gastando energia sem obter os resultados prometidos, e simplesmente abandonamos essas tarefas, assim como fica muito claro onde não estamos dando a força necessária para que aquilo que realmente queremos aconteça e tratamos de colocar mãos à obra. Isso pode trazer mudanças muito interessantes em nossas vidas, e tenho percebido que pessoas com um Marte natal com dificuldades de expressão ganham muito mais firmeza e conseguem correr maiores riscos durante esses períodos. Como Saturno faz com que caminhemos mais devagar, é possível admirar melhor a paisagem, e isso pode trazer surpresas bem agradáveis, inclusive mostrando novos lugares a serem explorados que, na correria em que estávamos, não conseguíamos enxergar.

Saturno em conjunção, quadratura e oposição ao Júpiter Natal
Se Júpiter ao contatar Saturno nos trás coragem para assumir nossas responsabilidades, Saturno vai verificar se estamos sendo responsáveis por nossas intuições e propósitos de vida enquanto visita nosso Júpiter. É comum certa sensação de fatalidade, como se tivesse chegado o momento de cumprir a missão que nos foi destinada, mesmo sem saber direito o que isso significa, o que pode trazer certa angustia. Nosso amigo titã deixa bem claro onde estamos sendo otimistas demais através de nosso Júpiter, tirando todas as cores fortes do quadro que o senhor do Olimpo tem pintado em nossas vidas e mostrando os traços do desenho original, que muitas vezes esquecemos no entusiasmo exagerado pelos potes de tinta. Podemos perceber, então, onde estamos cegos, fazemos maus julgamentos ou especulamos de maneira equivocada em nossas vidas, pois Saturno irá mostrar as conseqüências concretas disso. A área de nossas vidas em que Júpiter tem sua morada é alimentada por nossa imaginação criativa e é onde acreditamos merecer o melhor da vida, e, por isso, conseguimos reconhecer e receber o que a vida tem de bom a oferecer. Quando Saturno no céu interage com nosso Júpiter, sentimos necessidade de transformar essa fé na generosidade da existência em algo prático, para que se possa viver plenamente aquilo que se sente intuitivamente que é o propósito de estar vivo. Geralmente no começo desses trânsitos temos mais dificuldades por que as exigências da vida prática podem parecer uma contradição à nossa visão de mundo intuitiva, e temos a tentação de perder a fé. Mas aos poucos vamos conseguindo ter a paciência necessária para olhar nossa vida de maneira mais objetiva e ver onde estávamos sendo descuidados, e, se modificamos isso, nos sentimos muito mais integrados em nós mesmos. Nossa vida pode fluir de maneira mais frutífera e consciente nesse processo. Saturno vai mostrar onde seu exagero gerou um comportamento desonesto ou onde seu otimismo se transformou em egoísmo, o que não é nem um pouco agradável de encarar. Mas esse trânsito possibilita uma integração que tem o dom de nos libertar das garras da ilusão e da desilusão se temos coragem de olhar para a verdade e buscamos o modo de agir correto.

11 comentários:

Alyne disse...

Olá vi que me visitou, então vim retribuir a visita!!Seu blog é muito interessante nunca havia me interessado por astrologia, gostei!Parabéns!
Boa Semana!!

Carla Maia disse...

Fantástico. Uma visão acertada...
Obrigada

Teca Dias disse...

Obrigada vc, Carla...

Astrokabana disse...

Obrigado e parabéns; interpretações claras e pensadas.

Teca Dias disse...

Grata, colega...

Drop disse...

sua explicação referente ao transito de saturno / lua .. me fez entender de forma efetiva, e de certo modo mais esperançoso... pois tá dificilllll... se eu tenho a lua em sagitário ... isso pode me ajudar? pois acredito que sagitário me leva a ser mais otimista.. muito obrigada

Teca Dias disse...

Oi Drop, a Lua em Sagitário tem dificuldade de trabalhar os limites impostos por Saturno e preferiria muito mais ficar cantando "eu quero ter um milhão de amigos e bem mais forte poder cantar", né? Apesar do otimismo sagitariano ajudar sempre, eh importante aproveitar esse período pra fazer uma faxina nos seus relacionamentos separando joio do trigo e perceber onde vc esta sendo compulsiva. Também eh um tempo bom para conscientizar-se e livrar-se dos vícios e tapa buracos emocionais. Esse transito vai passar e essa dor lunar também, mas se vc conseguir segurar um pouco esse desconforto, então vai poder ver que essa dor sempre esteve aí, mas agora vc pode ver e portanto curar. Boa sorte!

Anderson disse...

Oi Teca!! Bom dia...

O que deve esperar do transito de Saturno em capricórnio pela minha casa 2?
Tenho Lua em capricórnio na casa 2 em quadratura com marte e venus na casa 5 e sextil com Sol em Peixes na casa 4!

Obrigado

Teca Dias disse...

Oi Anderson
Estamos esperando muito desse Saturno em Capricórnio, que irá fazer conjunção com Plutão. Então a primeira pergunta é: como vai sua Lua recebendo a visita de Plutão? Saturno em contato com os trans costuma materializar as questões e transformações que eles desencadeiam, e Plutão em Capricórnio está mostrando todo a lama que existe sobre o tapete... Se sua Lua está conseguindo digerir bem esse processo, o Saturno pode ajudar a concretizar as limpezas necessárias. De qquer maneira, os períodos de Saturno sobre a Lua costumam ser um tanto áridos, pois essa é a maneira que Saturno costuma agir para deixar bem claro o que nutre e o que é veneno na nossa vida e nas nossas relações. O sextil com o Sol na 4 pode ajudar bastante, pois ele pode entender todo o potencial de crescimento e individuação ao se cultivar aquilo que alimenta e cortar o que faz mal, o que é muito bacana para piscianos, né?
É bem importante cultivar o comedimento financeiro nos anos desse trânsito, tá Anderson? Principalmente com essa quadratura com Vênus/Marte. Não necessariamente são anos de escassez, mas são anos de plantio, que precisam de foco e paciência para produzirem frutos mais adiante. Como essa é a área que te dá segurança emocional (Lua) é bom ir com cuidado, tá?
Abraço

Anderson disse...

Obrigado Teca pela informação! O transito de plutao pela minha lua não foi agradavel! Logo que ele passou pela primeira vez pela minha lua, fui diagnosticado com esquizofrenia!! Hoje as crises estão controladas com medicamentos! Mas ainda sim, nao está sendo fácil lidar com essa doença! Estou com medo de que venha outra doença ou coisa pior com o transito de Saturno pela minha Lua!

Obrigado pela ajuda

Abraços

Teca Dias disse...

Puxa, Anderson, bem difícil mesmo... mas acredito que o Saturno pode te ajudar no processo de tratamento da esquizofrenia, viu? Ele dá foco e aí fica mais precisa a percepção de qual medicamento funciona ou não, onde falta algo mais, e dá pra bolar planos de tratamento melhores, inclusive os complementares, com isso. Boas vibrações aí pra vc em seu caminho.
Abraço